Páginas

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Lição do dia : Aprender a amar

Nunca tenho o que desejo e quando tenho eu não quero. E eu não sei amar, por isso que desejo tanto o amor, mas não é qualquer amor, não esses amores comuns, pequenos demais para ocupar esse vazio, pequenos demais para aguentar o peso da minha angústia, pequenos demais para suportar as minhas crises, meus ciúmes, e carregar minhas mágoas.Todos são pequenos demais e perdem para a grande solidão que me persegue. E você também é pequeno, se torna minúsculo diante de mim, com minha alma cansada, minhas mãos ásperas por falta de carinho,por não ter , não querer e nem saber dar carinho. Que tenho até medo de te machucar o tanto que quero te tocar. Você nem sequer imagina, que logo eu, sorrindo á toa por aí, acordo todos os dias desejando algo que não se compra e não se encontra na esquina. Porque eu sou assim, aquela que tem medo, que se esconde,e se isola, só para se proteger da dor que viver causa. Sou aquela que dorme todas as noites pensando em você, que escreve seu nome com letras maiúsculas como se fosse a única maneira capaz de me preencher. Acho que isso é amor,não tem outro jeito só pode ser amor. Agora me diz o que eu faço se você tirou minha razão de viver, a minha busca era encontrar esse tal de amor. E você fez o favor de colocar seu coração nas minhas mãos, me entregou todo seu amor mas esqueceu de ensinar a usar. Como uma criança travessa que ganha um brinquedo novo e brinca com medo de quebrar.O amor eu já tenho, só preciso do manual de instruções e você meu eterno professor ensinando a te amar e ser feliz ao seu lado.

2 comentários:

  1. Lindo!
    Nova seguidora viu?
    Adorei seu blog! você escolhe cada texto encantador *--*


    Beijo :P

    ResponderExcluir